YASIIN BEY a.k.a MOS DEF planeja abandonar a indústria da música

Detido na África do Sul por violar as leis locais de imigração, Yasiin Bey, antes conhecido por Mos Def, enviou mensagem de voz para Kanye West explicando sua atual situação. Ele também aproveitou para anunciar sua aposentadoria na “indústria da música e de Hollywood, com efeito imediato”, e o lançamento  do último álbum da carreira. Fugindo das mensagens telefônicas tradicionais, Bey, especialista em fazer rimas improvisadas, usou a cadência de “No More Parties in LA“, o último single de West, para expor suas críticas ao governo africano.

No áudio, Yasiin Bey agradece por Kanye West ser um bom amigo e diz não ter cometido nenhum crime para estar preso. “Neste momento eu estou atualmente em Cape Town, África do Sul, e sendo impedido de sair, injustamente, de forma ilegal, e sem qualquer razão lógica”, disse. “Eles estão dizendo que querem deportar minha família. Uh, eles estão fazendo alegações falsas contra mim, alguns desses funcionários do governo, e até mesmo na imprensa estão dizendo que o meu documento de viagem é fictício, o que não é. Qualquer um pode fazer a pesquisa sobre o passaporte mundial (world passaport); não é um documento fictício. Ele não serve para enganar ou derivar benefício ilícito de qualquer nação. Na verdade, o passaporte mundo foi aceito aqui em inúmeras ocasiões.”

Morando na África do Sul desde 2009, em 2014 o MC do Brooklyn foi barrado na imigração do seu próprio país também por “questões legais”. Em prisão domiciliar, Yasiin Bey e a família tem 14 dias para deixar o país africano, que, segundo ele, está “interferindo desnecessariamente na minha locomoção e, até mesmo, nas minhas obrigações profissionais”.

Escute o áudio na íntegra:

*Foto: Isaiah Trickey/Filmmagic

Share

Kommentar hinterlassen

E-Mail Adresse wird nicht veröffentlicht.


*


Share
Share